• Apresentação
  • Ficha Técnica

Com texto e direção de Marcio Abreu, o espetáculo leva ao palco a memória de uma atriz. Junto a Renata Sorrah, compõem o elenco Rodrigo Bolzan, Rafael Bacelar, Bárbara Arakaki e Bianca Manicongo.

A narrativa habita na memória e no imaginário de uma atriz. A caminho do ensaio, ela lembra que, naquele momento, em um dia em dirigia um carro indo para o ensaio, teve uma sensação inédita, como se o topo da sua cabeça se abrisse e ela tivesse uma súbita consciência do todo. Tudo ficou nítido, ela mesma, as outras pessoas, seu lugar no mundo, as coisas, sua conexão com o universo, o tempo passado e o tempo futuro. Nesse outro estado de consciência, ela revê personagens de sua vida e de sua arte, atravessando o tempo e ressignificando suas existências, ao vivo, hoje.

O espetáculo se passa dentro da cabeça de uma artista. Da Renata, da Nina, da Bianca, da Bárbara, do Bolzan, do Rafael, do Marcio, de todos que criaram esse trabalho. Como se pudessem perceber outras consciências, outras subjetividades, coisas que são, e de repente já não são mais. Coisas que se revelam e desaparecem, algo que se vê e, de repente, já não está mais ou já não é.

AO VIVO – dentro da cabeça de alguém dá sequência a uma das linhas de pesquisa da companhia brasileira de teatro, inspirada em A Gaivota, texto seminal de Anton Tchekhov, refletindo os tempos atuais a partir de diálogos inventivos com os clássicos. Durante o processo de criação, a partir da obra do autor russo, algumas indagações foram feitas para a constituição da dramaturgia, como: quais questões levantadas por Tchekhov atravessam o tempo e chegam até nós, hoje? E de que modo? E que formas são possíveis, hoje? Há formas novas, futuros possíveis? 

Também, foram tema de debate os direitos garantidos para uma mulher em uma sociedade ainda machista, etarista e conservadora, assim como o valor da arte, para quem se produz e com quem, os tipos de espaços para se ocupar e construir, a forma como os jovens artistas encontram a própria voz na atualidade, e como se renovar enquanto artista, com e para o público, em uma experiência viva, focada no agora.

ESTREIA prevista para dia 22 de agosto de 2024

Local: Teatro do Sesi-SP

Av. Paulista, 1313 – Jardins, São Paulo

Entrada gratuita

Texto e Direção geral: Marcio Abreu

Pesquisa e Criação: Marcio Abreu, Nadja Naira, Cássia Damasceno e José Maria

Elenco: Renata Sorrah, Rodrigo Bolzan, Rafael Bacelar, Bárbara Arakaki e Bianca Manicongo

Direção de produção e administração: José Maria e Cássia Damasceno

Iluminação e assistência de direção: Nadja Naira

Direção Musical e Trilha Sonora Original: Felipe Storino

Direção de Movimento: Cristina Moura

Assistência de direção e criação: Fábio Osório Monteiro

Instalação videográfica e cenografia: Batman Zavareze

Figurinos: Luís Cláudio Silva | Apartamento 03

Fotos: Nana Moraes

Programação visual: Pablito Kucarz & Miriam Fontoura

Técnica de vídeo: Michelle Bezerra

Técnica de luz/programação: Denis & Sibila

Técnica de som: Chico Santarosa e Dafne Rufino

Assistentes de produção: Kauê Mar, Ará Silva, Jeniffer Rossetti

Criação e produção: companhia brasileira de teatro

Categories:

Tags:

Comments are closed


Próximos eventos

AO VIVO [dentro da cabeça de alguém]

de 22 de agosto a 1º de dezembro de 2024

Teatro do Sesi-SP, no Centro Cultural Fiesp

Avenida Paulista, 1313 - Jardins São Paulo